[RESENHA LITERAL] A Árvore de Strangeville - Camilla Sá

Editora: Gregory
Autora: Camilla Sá
Nº de Páginas:  398
Sinopse: O único sonho de Caroline era ter uma vida normal: morar em uma casa fixa, fazer amigos que durem e ser popular. Mas, sempre que se muda, ela precisa começar tudo de novo. E Caroline não é muito boa nesses “novos começos”. Até se mudar para Strangeville. Lá, onde tudo parece ser diferente, é o lugar em que se encontra a Árvore de Strangeville, o elo mágico que separa o mundo real do da fantasia. Não só sua nova cidade, mas também sua vida muda drasticamente a partir de então. Suas preocupações deixam de ser um lugar para morar e se tornam algo muito maior, como salvar não somente um, mas dois mundos! Com a ajuda de Arthur e Bree, ela terá que enfrentar várias criaturas, esforçar-se para impedir que Klaus domine os mundos e assim cumprir sua missão de retornar tudo ao seu devido lugar. Uma história de aventura que faz com que você cruze a fronteira da árvore. 









Vamos encontrar primeiramente a Caroline, também chamada de Millie, onde sempre se vê em conflito com o seu eu interior sobre nunca morar fixamente em um lugar, pois o seu pai que é biologo, sempre tem que estar de mudando por conta do seu emprego. E para ela não é fácil, ter que sempre fazer novas amizades e nunca se estabelecer em uma certo lugar.
Chega um certo momento em que o seu pai decide se mudar para um lugar chamado Strangeville. Uma cidade onde ela nunca ouviu falar mas que de primeiro ela começa a gostar, e fica um pouco desconfiada por o seu pai não fazer o que sempre faz em todas as vezes que eles se mudam, ficar insistindo para ela se agradar do lugar.
Quando chegam nesse lugar a Millie fica encantada e logo avista uma arvore e ela percebe que tem algo de diferente nesse lugar.
Depois de passar por várias coisas e conhecer novas pessoas no seu novo colégio, ela se depara com o pai querendo conversar, mas não ligando muito para o que ele está dizendo afirma sem saber.
Só que o que ela estava afirmando é que Klaus, uma pessoa muito influente na cidade, quer destruir a árvore. Só que a Millie descobre que a arvore é tipo uma ponte para um lugar fantasioso. 
E quando essa árvore é cortada, ela entra e desespero e percebe uma grande mudança na cidade, no caso o que separava a o mundo fantasioso do mundo real havia quebrado então eles podem ver todos os seres que pensavam não existir e aí começa a verdadeira história.
A Millie apartir desse ponto descobre que vai ter que ser muito responsável e passar por várias situações para salvar o seu mundo e o fantasioso, para isso ela conta com a ajuda de alguns amigos como Arthur, um elfo, e a Bree, um dragão que conversa por telepatia. 

Confesso que fiquei um pouco desmotivada no começo, por não ver tanta desenvoltura da personagem principal, mas depois quando podemos ver realmente o que acontece com ela durante a sua trajetória para salvar a todos, fiquei bastante empolgada e pude terminar o livro o mais rápido possível. Mas uma coisa também me incomodou durante a minha leitura: Aparecia dificuldades, mas eu sempre pensava vai acontecer alguma coisa pra dificultar e ela vai ter que quebrar a cabeça pra resolver. Porém isso não aconteceu, sempre que chegava nesses momentos a personagem sempre passava com facilidade, e isso me deixou com um grande problema durante a leitura,pois nada que é novo é tão fácil assim. Por isso o livro não ganhará cinco estrelas. Acho que faltou ser melhor abordado, como nesse caso e entre outros que não poderei dizer por conta de spoilers.
Espero que vocês tenham gostado da resenha, mas pra quem gosta de história fictícia, recomendo sim.

  

Nenhum comentário:

Postar um comentário